Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog Novas Ideias

Quem disse que só tem um jeito?

Blog Novas Ideias

Quem disse que só tem um jeito?

Os Xiitas do sistema evangélico brasileiro



Eles estão por toda parte: empresas, escolas, grandes eventos, shows musicais, política, internet, TV, e onde mais se possa imaginar. Estão transformando algo, mudando vidas, ajudando pessoas a encontrar a dignidade? Não, estão apenas querendo impor sobre a sociedade um padrão de vida que mais se assemelha ao fundamentalismo islâmico. Sim, falo do sistema evangélico brasileiro que, em épocas de Malafaia & derivados, tem gerado uma legão de intolerantes dispostos a criar brigas intermináveis com qualquer pessoa que pense diferente de sua fé sustentada em raiva e ódio. Tal qual os xiitas islâmicos que incitam pessoas comuns e simples a lutar por uma causa que sequer conhecem direito, os pastores evangélicos brasileiros estão se transformando em espalhadores da intolerância e do ódio, incitando os membros das igrejas a patrulhar nossa sociedade em busca de pessoas que estejam fora dos "padrões morais bíblicos".

A vítima da vez é José Eugênio Soares, o Jô. Sim, o católico fervoroso que há anos faz um trabalho excelente tanto como humorista e escritor quanto como entrevistador - tá, como entrevistador ele não é dos melhores, mas sabe puxar um bom papo como poucas pessoas. Jô Soares tem uma carreira sólida e uma bagagem cultural de dar inveja a muitos. Mas acima disso o Jô tem o talento dos grandes artistas de ser versátil, saber se comunicar com qualquer pessoa. O Jô é o tipo de pessoa que consegue conversar por horas com qualquer pessoa, seja ela estilista ou vendedor de tapiocas em praia. Pra mim o Jô é um dos maiores nomes do Brasil, tanto atual como na história recente do país. Não deixa a desejar em nada a grandes nomes no mundo.

E por que logo o Jô é a vítima da vez do fundamentalismo evangélico? Por causa dessa entrevista com Moraes Moreira e Tom Zé em seu programa. veja:





Sim, por causa desse vídeo o Jô vem sendo vítima da fúria religiosa fundamentalista, aqui no Brasil conhecida sob a versão evangélica.

Quem é o aiatolá da história? Um conhecido pastor chamado René Terra Nova, conhecido pelos altos valores que costuma movimentar em sua igreja. Esse pastor resolveu criar um abaixo-assinado na internet exigindo que o Jô, o Tom Zé e o Moraes Moreira se retratem por "desrespeitar" a Bíblia - qualquer semelhança com a patrulha islâmica ao Alcorão não é mera coincidência.

Várias pessoas já assinaram. Por que? Porque o tal pastor pediu. Um pastor disse a outro, que disse a outro e cada um vem dizendo em suas igrejas. Isso é incitar. O fanatismo religioso evangélico no Brasil vem tomando níveis preocupantes. Que sociedade estamos nos tornando? E a famosa "simpatia" do brasileiro, que convive bem com todos sem discriminar ninguém? E o bom humor do brasileiro que sabe rir de tudo? Graças ao crescimento do fundamentalismo religioso essas e outras boas características do brasileiro estão indo por água abaixo. Estamos nos tornando um povo intolerante. Um povo mal humorado que só ri daquilo que não fere nossa pseudo-moral.

Uma sugestão ao tal pastor: por que ao invés de encher o saco de gente que mal sabe que ele existe e não está nem um pouco preocupado com o que ele pensa, por que não fazer uma campanha alertando sobre a violência contra a mulher no Brasil, que vem fazendo vítimas todos os dias? Ou que tal fazer palestras alertando os adolescentes sobre os riscos do álcool? Ou ainda que tal educar nossas crianças com a consciência ambiental, pra que a próxima geração não seja tão suja como a atual? Isso não interessa o status quo evangélico, não é mesmo? A Igreja evangélica vive hoje na lógica da vantagem: só faz aquilo que pode lhe trazer algum retorno publicitário e, como consequência, financeiro. É muito mais vantajoso arrumar briga com uma personalidade da TV do que fazer uma causa social. O sistema evangélico brasileiro me dá náuseas. 

Sabiamente diz o Ricardo Gondim: "que deus nos livre de um país evangélico".

3 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub